Liturgia diária

Agenda litúrgica

2017-10-28

SÁBADO da semana XXIX

S. Simão e S. Judas, Apóstolos – FESTA
Vermelho – Ofício da festa. Te Deum.
Missa própria, Glória, pf. dos Apóstolos.

L 1 Ef 2, 19-22; Sal 18 A, 2-3. 4-5
Ev Lc 6, 12-19

* Proibidas as Missas de defuntos, excepto a exequial.
* Na Congregação das Irmãs Franciscanas de Nossa Senhora das Vitórias – Nossa Senhora das Vitórias, Padroeira principal da Congregação – SOLENIDADE
* Nas Congregações e Institutos da Família Paulista – I Vésp. de Jesus Cristo, Caminho, Verdade e Vida, Mestre e Pastor da Humanidade.
* I Vésp. do domingo – Compl. dep. I Vésp. dom.

 

 

Santo

S. SIMÃO e S. JUDAS, Apóstolos

 

 

Martirológio

Festa dos santos Simão e Judas, Apóstolos: o primeiro era apelidado Cananeu ou Zelota; o segundo, também chamado Tadeu, filho de Tiago, na última ceia perguntou ao Senhor acerca da sua manifestação, recebendo esta resposta: «Se alguém Me ama, guardará a minha palavra; meu Pai o amará; viremos a ele e faremos nele a nossa morada».

 

2.   Em Mogúncia, na Gália Bélgica, actualmente na Alemanha, São Ferrúcio, mártir, do qual se narra que, tendo abandonado o serviço militar para servir melhor e mais livremente a Cristo, consumou a vida com o martírio.

3.   Em Como, na Gália Cisalpina, hoje na Itália, São Fiel, mártir.

4.   Em Ávila, na Hispânia, a paixão dos santos Vicente, Sabina e Cristeta, mártires, que, tendo fugido de Talavera para esta cidade, foram assassinados cruelmente.

5*.   Em Thiers, na Aquitânia, hoje na França, São Gens ou Genésio, que passou deste mundo ao céu pelo martírio, quando levava ainda a veste branca do Baptismo.

6.   Em Amiens, na Nêustria da Gália, também na actual França, São Sálvio, bispo, dedicado às ciências divinas desde a juventude e ornado pela integridade de costumes.

7.   Em Meaux, também na Nêustria, hoje na França, São Farão, bispo, que, sendo familiar do rei, exortado por sua irmã Santa Fara a dedicar-se ao serviço de Deus, persuadiu sua esposa a receber o véu de religiosa, para que ele pudesse formar parte do clero; chamado a assumir o ministério pastoral, fez grandes doações dos seus bens à Igreja, erigiu paróquias e favoreceu os mosteiros.

8*.   Em Annecy, na Savóia, também na França, a comemoração de São Germano, abade, que, insigne pelo seu amor à solidão, fundou e dirigiu o priorato de Talloires.

9.   Em Fujian, província da China, os santos Francisco Serrano, bispo, e Joaquim Royo, João Alcober e Francisco Díaz del Rincon, presbíteros, todos da Ordem dos Pregadores e mártires, que confirmaram a sua fé com o martírio.

10.   Em Cho-Ra, povoação do Tonquim, hoje no Vietnam, São João Dat, presbítero e mártir, degolado pela sua fé em Cristo.

11.   Em Ejutla, localidade do México, São Rodrigo Aguilar, presbítero e mártir, que, durante a perseguição religiosa, suspenso de uma árvore pelos soldados, alcançou gloriosamente o martírio que tanto desejava.

12*.   Em Alcira, na província de Valência, na Espanha, o Beato Salvador Damião Enguix Garés, mártir, pai de família, que, durante a perseguição religiosa, consumou o combate pela fé.

13*.   Em Gilet, também na província de Valência, o Beato José Ruiz Bruixola, presbítero e mártir, que, durante a mesma perseguição, mereceu diante de Deus omnipotente a palma da vitória.

14♦.   Em Santander, também na Espanha, os beatos Cláudio Julião Garcia San Roman e Leôncio Lope Garcia, presbíteros da Ordem de Santo Agostinho e mártires, que, no tempo da perseguição, pelo seu testemunho glorioso mereceram passar à felicidade eterna.