Liturgia diária

Agenda litúrgica

2017-02-02

QUINTA-FEIRA da semana IV

Apresentação do Senhor – FESTA
Branco – Ofício da festa. Te Deum.
Missa própria, Glória, pf. próprio.

L 1 Mal 3, 1-4 ou Hebr 2, 14-18; Sal 23 (24), 7. 8. 9. 10
Ev Lc 2, 22-40 ou Lc 2, 22-32

* Proibidas as Missas de defuntos, excepto a exequial.
* Em todas as Dioceses de Portugal – Dia do Consagrado
* Na Congregação da Aliança de Santa Maria – Apresentação do Senhor, Titular – SOLENIDADE; Aniversário da fundação (1966).
* Na Congregação das Filhas de São Camilo – Aniversário da fundação (1892).

 

 

Santo

APRESENTAÇÃO DO SENHOR

 

 

Martirológio

Festa da Apresentação do Senhor, pelos gregos chamada Hypapante: quarenta dias depois do Nascimento do Senhor, Jesus foi levado ao templo por Maria e José, cumprindo externamente a lei mosaica, mas na verdade indo ao encontro do seu povo crente e exultante, como luz para se revelar às nações e glória do seu povo Israel.

2.   Em Orleães, na Gália Lionense, hoje na França, São Flósculo, bispo.

3.   Em Cantuária, na Inglaterra, São Lourenço, bispo, que governou esta Igreja depois de Santo Agostinho e a engrandeceu muito, convertendo à fé o rei Edvaldo.

4.   Em Würzburg, na Austrásia, actualmente na Alemanha, São Burcardo, bispo, oriundo da Inglaterra, que foi ordenado por São Bonifácio como primeiro bispo desta cidade.

5*.   Em Florença, na Etrúria, hoje na Toscana, região da Itália, o Beato Simão Fidáti de Cássia, presbítero da Ordem dos Eremitas de Santo Agostinho, que pelas suas palavras e escritos conduziu muitos à vida cristã mais perfeita.

6*.   Em Susa, no Piemonte, também região da Itália, o Beato Pedro Cambiano de Ruffia, presbítero da Ordem dos Pregadores e mártir, que foi cruelmente assassinado no claustro pelos hereges em ódio à Igreja.

7.   Em Prato, na Etrúria, hoje na Toscana, também região da Itália, Santa Catarina de Rícci, virgem da Ordem Terceira Regular de São Francisco, que se empenhou diligentemente na renovação da vida religiosa e se entregou à meditação contínua dos mistérios da Paixão de Jesus Cristo, dos quais teve frequentes experiências místicas.

8.   Em Bordéus, na França, Santa Joana de Lestonnac, que, ainda adolescente, recusou sempre os convites e tentativas da mãe para se afastar da Igreja católica e, depois da morte do esposo, orientou com sabedoria a educação dos cinco filhos. Fundou a Sociedade das Filhas de Nossa Senhora, à imitação da Companhia de Jesus, para fomentar a formação cristã da juventude feminina.

9*.   Em Roma, São Nicolau de Langobárdi (João Baptista Sággio), religioso da Ordem dos Mínimos, que desempenhou humilde e santamente o ofício de porteiro.

10*.   Em Genazzano, no Lácio, região da Itália, o Beato Estêvão Bellesíni, presbítero da Ordem de Santo Agostinho, que, em tempos difíceis permaneceu fiel à Ordem perseguida, dedicando-se à educação das crianças, à pregação e ao trabalho pastoral.

11.   Em Hanoi, no Tonquim, hoje no Vietnam, São João Teófano Vénard, presbítero da Sociedade das Missões Estrangeiras de Paris e mártir, que, depois de seis anos de tribulações e trabalhos em ministério clandestino, finalmente encerrado numa jaula e condenado à morte no tempo do imperador Tu Duc, foi serenamente ao encontro do martírio.

12*.   Em Dernbach, na Renânia, região da Alemanha, a Beata Maria Catarina Kasper, virgem, que fundou o Instituto das Pobres Servas de Jesus Cristo, para servirem o Senhor nos pobres.

13♦.   Em Plancy, cidade da França, o Beato Luís Brisson, presbítero da diocese de Troyes, que fundou as duas congregações, das das Irmãs Oblatas e dos Oblatos de São Francisco de Sales.

14*.   Em Milão, na Itália, o Beato André Carlos Ferrári, bispo, que valorizou a tradição religiosa do seu povo e abriu novos caminhos, para dar a conhecer ao mundo a mensagem de Cristo e a caridade da Igreja.

15*.   Em Verona, também na Itália, a Beata Maria Domingas Mantováni, virgem, que fundou, juntamente com o Beato José Nascimbéni, presbítero, o Instituto das Irmãzinhas da Sagrada Família, do qual foi a primeira superiora, servindo com profunda humildade, por amor de Cristo, os pobres, os órfãos e os enfermos.